Dicas imperdíveis sobre o que fazer em Seattle

O que fazer em Seattle é o que não falta…

É até difícil resumir num post as dicas que tenho para dar! Já rodei muito por aqui e já vi muita coisa legal. Fiquei tão encantada com a cidade que nas primeiras visitas que fiz minha máquina fotográfica quase não aguenta o tranco… Meu irmão falava:

-“Você está tirando tanta foto que dá para fazer um filme em slow motion!”.

Pois é! Agora me fala: Como escolher as melhores opções para que vocês enxerguem a cidade como eu???

Nada fácil entre tantas opções, mas desafio comprado! Vou passar aqui as minhas dicas sobre a cidade!

O que fazer em Seattle
O que fazer em Seattle?

Vamos as dicas sobre o que fazer em Seattle

Há muito o que fazer por aqui. Seattle e região oferecem muitas opções de turismo, lazer, entretenimento, cultura, história, música, gastronomia e natureza.

Aqui você tem diversão garantida! É só não se deixar intimidar pelos dias cinzas ou chuvosos…

O que fazer em Seattle: atrações turísticas

Aqui o cardápio é grande. Fiz um post dedicado só a isso: pontos turísticos de Seattle. Dá uma conferida lá. Vale a pena!

Só para dar uma palhinha e deixar com gosto de quero mais, aí vão alguns dos mais famosos:

O que fazer em Seattle: Space Needle
O que fazer em Seattle: Space Needle

O que fazer em Seattle: a noite de Seattle

O que você imaginar tem na noite de Seattle. Clubes de blues, bares britânicos, pubs irlandeses, lounges, danceterias e bares com música ao vivo são algumas das opções. Tudo espalhado pelos bairros da cidade; de lounges elegantes em Belltown até bares universitários do Distrito University e a atmosfera gay amigável de Capitol Hill.

-Seattle tem balada para todos os gostos!!!

Aliás, falando em Capitol Hill… Quem gosta da noite, não pode deixar de conhecer dois dos bairros mais boêmios da cidade, Fremont e Capitol Hill. Aqui a noite ferve! Restaurantes, bares, música ao vivo, boates e todo tipo de balada! Cada um no seu estilo: Fremont mais excêntrico é o bairro dos artistas onde as festas de rua são muito conhecidas, e Capitol Hill onde os movimentos alternativos se encontram em harmonia.

O que fazer em Seattle: para quem gosta de caminhar…

O centro da cidade é uma delícia; ruas charmosas, arborizadas, com lindos prédios e arranha céus que se destacam na paisagem.

É uma delícia caminhar por aqui e se deparar com a biblioteca pública de Seattle, (Seattle Public Library). Belíssima toda espelhada!!! Ou então com o Smith Tower, arranha-céu mais antigo da cidade foi o edifício mais alto da Costa Oeste até a construção do Space Needle.

O que fazer em Seattle: biblioteca pública
O que fazer em Seattle: biblioteca pública
O que fazer em Seattle: Smith Tower
O que fazer em Seattle: Smith Tower

O passeio pelo calçadão as margens da baía de Elliott na região conhecida como Seattle WaterFront, área portuária da cidade, também é uma ótima pedida. A vista é belíssima e você vai encontrar várias lojinhas, a roda gigante, Seattle Great Wheel, e o Seattle Aquarium. Também é daqui que partem os cruzeiros pela baía de Elliott com a Argosy Cruise.

O que fazer em Seattle: atividades ao ar livre

Para quem gosta de atividades ao ar livre, há uma infinidade de coisas para fazer. Parques, passeios de barco, turismo ecológico e esportes de aventura como trilhas nas montanhas.

Tem uma infinidade de parques na cidade: Gas Works Park, Kerry Park, Olympic Sculpture Park, Seattle Japanese Garden, Volunteer Park, etc. São muitos!!! O meu preferido é o belo Green Lake Park.

O que fazer em Seattle: Green Lake Park
O que fazer em Seattle: Green Lake Park

Os cruzeiros da Argosy Cruises são ótimos. Têm vários roteiros, desde o passeio pela baía de Elliott passando pelo porto de Seattle, até um passeio pelo lago Washington, passando pela casa do famoso dono da Microsoft, Bill Gates.

O que fazer em Seattle: passeio de barco
O que fazer em Seattle: passeio de barco

O passeio de barco para ver as baleias orca na enseada de Puget também é bem legal, mas ele sai de Anacortes, a 130km ao norte de Seattle. A melhor época para ver as baleias é no verão, mas na primavera e outono também dá.

O passeio no Monte Rainier para ver de perto o vulcão gigante que domina a paisagem da região é imperdível no verão! Fica a um pouco mais de uma hora de carro ao sudeste da cidade. Tem trilhas lindas, em diferentes níveis de dificuldade. Na primavera também é muito legal, você vai poder brincar com a neve.

A região do Union Lake oferece esportes aquáticos. É uma maravilha no verão! É aqui que tem as casas flutuantes que ficaram famosas no filme Sintonia de Amor (Sleepless in Seattle).

Houseboat no Union Lake
Houseboat no Union Lake (Fonte: Wikipedia)

O que fazer em Seattle: gastronomia

Seattle é uma cidade portuária, a beira do Oceano Pacífico. Nada mais natural do que sua especialidade em frutos do mar. Esse tipo de culinária é o que não falta por aqui. Uma dica imperdível são os caranguejos gigantes do The Crab Pot.

O mercado público tem se tornado um forte polo gastronômico da cidade nos últimos anos, com muitas opções de bares e restaurantes, com vários tipos de cozinha.

Além disso, os bairros da cidade distribuem cozinha de tudo quanto é parte do mundo: japonesa, mexicana, indiana, grega, italiana, tailandesa, coreana, chinesa, francesa, portuguesa. Para todo gosto e valor.

Destaco em especial o bairro de Capitol Hill, com uma infinidade de opções (La Spiga, por exemplo, um italiano com comida típica da Emilia-Romagna). E se você gosta da cozinha oriental, a região do International District (Chinatown-International District) é a carta!

O que fazer em Seattle: arredores da cidade

A região nos arredores da cidade também oferece muita coisa.

Em Everett fica a maior fábrica de aviões do mundo, a fábrica da Boeing em Seattle.

Cidades vizinhas lindas e charmosas como Kirkland à beira do lago Washington, Bellevue e Redmond, onde fica o campus da Microsoft, se tiver curiosidade. North Bend, famosa pelo seriado Twin Peaks, tem um outlet muito bom para fazer compras (North Bend Premium Outlets), e Snoqualmie Falls tem uma bela cachoeira para visitar. Vale a pena conhecê-las.

O que fazer em Seattle: cidade de Kirkland
O que fazer em Seattle: cidade de Kirkland

As vinícolas de Woodinville (eu adoro Chateau Ste. Michelle e Columbia Winery) oferecem um tour com degustação de vinho. Uma delícia! Bons presentes para dar de lembrança.

No inverno tem as estações de esqui perto da cidade, Crystal Mountain, Stevens Pass e Snoqualmie Pass. Mesmo quem não gosta de esquiar, vale a pena conhecer as belas paisagens! Eu bem que tento, mas morro de medo. Já levei tanta queda no snowboard… Afe!!!

O que fazer em Seattle: Stevens Pass
O que fazer em Seattle: Stevens Pass

Na primavera as fazendas de tulipas do Skagit Valley, nos arredores do Mount Vernon, ficam espetaculares.

O que fazer em Seattle: dando um pulinho no Canadá

Por fim, de Seattle ainda vale a pena uma visita a Vancouver e Victória, no Canadá. Não chega a três horas de carro. E se for no inverno ainda pode incluir Whistler, pertinho de Vancouver, que é uma das melhores estações de esqui das Américas e foi sede das competições de esqui nas Olimpíadas de Inverno de 2010 em Vancouver.

Fronteira EUA - Canadá
Fronteira EUA – Canadá

-Então? Deu para ter uma noção de como enxergo a cidade? Fala a verdade; tem ou não tem muito o que fazer em Seattle?

Decidido a conhecer a cidade? Dá uma olhada também no post Turismo em Seattle.

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*