Museu do Voo em Seattle – The Museum of Flight

Museu do Voo em Seattle, Museu da Boeing, Museu da aviação em Seattle, é tudo a mesma coisa; trata-se do The Museum of Flight de Seattle.

É o maior museu aeroespacial privado do mundo e conta a história da aviação e da exploração espacial através de sua coleção de mais de 150 aeronaves e veículos espaciais históricos e milhares de objetos relacionados ao tema.

Mais do que isso; conta a história da gigante Boeing em Seattle e sua revolução na aviação comercial e militar (veja nosso post sobre os Aviões da Boeing).

Não podia ser diferente; afinal, foi aqui em Seattle que a maior fabricante de aviões do mundo começou e onde ainda hoje está sua maior fábrica (Boeing Everett Factory).

Se você é uma pessoa que gosta de aviação vai adorar esse lugar. Até para quem não entende muito do tema – que é o meu caso – é um programa imperdível.

– Não deixe de conferir o Museu do Voo em Seattle!

Agora, se você é um fanático por aviões, além desse museu, não pode perder de forma alguma o tour guiado na fábrica da Boeing em Seattle, a maior fábrica de aviões no mundo, que fica em Everett, região metropolitana de Seattle, a uns 40km ao norte do centro.

O que faz ser “único” o Museu do voo em Seattle?

Existem muitos museus sobre aviação pelo mundo, mas este aqui é especial. Para mim, ele é único porque abriga nada mais nada menos do que o primeiro avião presidencial a jato dos Estados Unidos.

– Isso mesmo: o primeiro Air Force One a jato!

Museu do Voo em Seattle - Air Force One
Museu do Voo em Seattle – Air Force One

É um Boeing VC-137B (707-120) que foi usado entre 1959 e 1996. Até 1962 serviu aos presidentes Eisenhower, Kennedy, Johnson e Nixon.

Depois disso foi substituído por um mais moderno, um Boeing VC-137C, mas continuou transportando vice-presidentes, chefes de estado e convidados até 1996, quando foi aposentado.

– E o melhor de tudo: você pode visitar o interior desse Air Force One!

Vai conhecer desde sua cabine de comando até o banheiro do presidente, passando pela mesa de comunicação e radar, pelo escritório do salão oval, pela sala de reuniões, mesa da secretária e cozinha. Ainda pode ver objetos como o telefone presidencial e a máquina de xerox.

– É muito doido caminhar em seus corredores e imaginar que este avião presenciou muitas decisões e fatos históricos!

Outras atrações do Museu do voo em Seattle

Tem muita coisa para se ver por aqui. Se eu fosse relatar tudo que vi o post ficaria enorme… e um pouco enfadonho!!! Daria preguiça de ler! Por isso, tentei selecionar as coisas mais interessantes.

Salão em forma de hangar

Logo de cara, no primeiro salão em forma de hangar tem uma exposição com uma grande quantidade de aeronaves da história, algumas penduradas no teto, inclusive. Duas em especial me chamaram logo a atenção:

  • Uma réplica do que foi o avião dos irmãos Wright em 1903.
  • E a atração que para mim é a mais impressionante do hangar; o lendário SR-71 da família Blackbird que era capaz de atingir a velocidade do som e altitudes acima de 85.000 pés. O Blackbird é até hoje o jato tripulado mais rápido já pilotado na história.

Também vai encontrar por lá simuladores de voo e uma torre de controle onde você vai poder testar suas habilidades de pilotagem.

Museu do Voo em Seattle - Air Force One
Museu do Voo em Seattle – Flyer 1 dos Irmãos Wright
Museu do Voo em Seattle - BlackBird
Museu do Voo em Seattle – BlackBird
Museu do Voo em Seattle - Concorde
Museu do Voo em Seattle – Concorde

Pátio externo

No pátio externo, ao lado do Air Force One que já comentei acima, tem um avião Concorde original da British AirWays, onde você também pode visitar o interior.

Galpão vermelho de madeira

O galpão vermelho de madeira, construído em 1909, onde a Boeing começou e produziu suas primeiras aeronaves entre 1916 e 1958. Esse é bem interessante. Os objetos expostos contam a história dessa gigante empresa de aviação.

Aviação militar na 1a e 2a guerras mundiais
Aviação militar na 1a e 2a guerras mundiais

Você vai ver maquinários antigos usados na construção dos primeiros aviões, peças de aeronaves antigas, o primeiro malote usado no correio aéreo dos EUA para fora (usado na rota entre Seattle e Vancouver no Canadá) e o escritório do William Boeing, fundador da empresa.

Ala sobre aviação militar

A ala sobre a aviação militar na primeira e segunda guerras mundiais tem expostas diversas aeronaves restauradas usadas nas duas grandes guerras, uniformes militares e outros objetos, e uma série de relatos de ex pilotos que contam histórias da época das duas maiores guerras que o mundo já viveu.

Carro lunar da operação Apollo
Carro lunar da operação Apollo

Ala espacial

Por fim, a ala espacial do Museu também é bem interessante e merece ser visitada. Conta a evolução da exploração espacial através da exposição de objetos como um módulo de comando da Apollo (CM-007) e o carro lunar que a operação Apollo usou na lua durante as expedições realizadas pela Nasa no século 20.

Quem inventou o avião?

Afinal quem inventou o avião? Santos Dumont ou os irmãos Wright?

Bom, aí depende de quem responde. Se for um americano com certeza a resposta é: os irmãos Wright. Sendo um brasileiro, é certo que é: Alberto Santos Dumont. E como brasileira que sou…

– É claro que quem inventou o avião foi o Santos Dumont, afinal aprendemos na escola que ele é o pai da aviação!

Estou levantando essa questão pertinente aqui por causa de uma queixa que tenho do Museu do Voo em Seattle. Isso mesmo, tenho uma queixa a fazer de lá!

– Vocês acreditam que não bastasse atribuírem a invenção do avião aos irmãos Wright, o museu não fala nada sobre Santos Dumont???

Pois é! Na realidade, essa é uma questão bem controvérsia que até hoje gera calorosas discussões.

Santos Dumont X irmãos Wright

Em 1906 na França o brasileiro Santos Dumont conseguiu fazer uma máquina mais pesada do que o ar voar a partir do solo diante de uma comissão científica do Aeroclube da França, jornalistas e um público de curiosos. Era o voo do 14 Bis!

Mas atravessando o Atlântico, em Ohio nos EUA, os irmãos Orville e Wilbur Wright alegavam já haver conseguido essa façanha desde 1903 com o Flyer 1.

As controvérsias surgem porque seus experimentos foram feitos praticamente sem testemunhas, apenas alguns amigos íntimos e imprensa local, e não foram devidamente registrados.

Eu particularmente concordo com alguns pesquisadores que alegam que a dúvida é muito mais uma questão sobre a definição de um avião do que qualquer outra coisa! O que é um avião?

Sabe-se que o Flyer 1, precisava de trilhos e de uma catapulta para ser impulsionado ao voo, não mantendo sua sustentação por muito tempo. Era praticamente um planador com motor.

Já o 14 Bis tinha trem de pouso e decolava e pousava por meios próprios, o que para o Aeroclube da França era um requisito necessário para ser um avião.

-E aí? Quem inventou o avião?

Como chegar

O museu fica a uns 12 quilômetros ao sul do centro da cidade, e de ônibus você chega em cerca de 35 minutos usando a rota 124 da Metro.

Museu do Voo em Seattle

The Museum of Flight
9404 E Marginal Way S
Seattle, WA 98108
Telefone: 206-764-5720

Horário de funcionamento (referência Setembro/2015): diariamente das 10:00 as 17:00hs. O pátio externo (Airpark) abre somente entre Abril e Setembro. Confirmar no site oficial na data da sua visita.

Ingressos na bilheteria do museu ou no site oficial (referência Setembro/2015): adulto $20. Confirmar no site oficial na data da sua visita.

Site oficial: Site Oficial The Museum of Flight

Seja o primeiro a comentar

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*