Grey’s Anatomy: a série de tv americana com a cara de Seattle

O início de minha história com Grey’s Anatomy

Grey’s Anatomy entrou na minha vida porque se passa em Seattle… Natural, portanto, pensar que meu interesse por esta série de TV aconteceu logo de cara, certo? -Errado!

Grey's Anatomy em Seattle
Grey’s Anatomy em Seattle

Eu só comecei a assistir Grey’s Anatomy no finalzinho do ano passado, justo quando estava sendo exibida sua 12ª temporada! Podem acreditar.

Uma das maiores séries da TV americana dos últimos anos se passa em Seattle e eu só comecei a assisti-la mais de 10 anos depois de sua estreia!!!

Mas existe um motivo para isso: o cenário principal de Grey’s Anatomy é num hospital e eu simplesmente tenho verdadeiro pavor de ver sangue. Daqueles que a perna fica dormente e dá até fraqueza. Sabe como é?

Mas aí, veio o blog sobre Seattle! No dia em que colocamos no ar (outubro/2015), mandei para umas amigas comentarem. Eis que minha amiga Dani fala: “a primeira coisa que me vem na cabeça quando penso em Seattle é Grey’s Anatomy”.

Dica anotada! Pensei com meus botões: “Tenho que resolver isso. Não dá para ter um blog sobre Seattle e não falar de Grey’s Anatomy!“. Eis, portanto, que iniciei a minha saga como telespectadora da série.

-Pronto! Fiquei viciada! Depois de muito tempo – sou da época de Barrados no Baile (alguém lembra?) e Sex and the City – voltei a viciar num seriado.

Devorei seus episódios, temporada atrás de temporada, e 3 meses depois estou terminando a 10ª temporada. Sendo que cada temporada tem normalmente mais de 20 episódios de cerca de 45 minutos cada!!!

Chegou a hora de escrever sobre Grey’s Anatomy

A série Grey’s Anatomy

Grey’s Anatomy é uma série do gênero drama médico, exibida em horário nobre da rede de TV americana ACB. É sucesso de público e crítica e exibido em vários países, inclusive Brasil.

– Virou febre!

Nos Estados Unidos, seus prêmios e indicações comprovam o êxito do drama médico, criado por Shonda Rhimes.

O título do seriado (Grey’s Anatomy = Anatomia de Grey) é uma brincadeira com o famoso livro de anatomia humana de Henry Gray, livro didático clássico das escolas de medicina. Alterando somente “Gray” para “Grey”, como referência ao sobrenome de Meredith Grey, protagonista da série.

Grey's Anatomy: série do gênero drama médico com cenário principal um hospital
Grey’s Anatomy: série do gênero drama médico com cenário principal um hospital

Duração, episódios e temporadas

Teve seu episódio piloto transmitido pela primeira vez em março de 2005 nos Estados Unidos e, agora em 2016, está em sua 12ª temporada, chegando a 11 anos de duração.

São 12 temporadas e 255 episódios até agora (Fevereiro/2016).

Curiosidade
Cada episódio possui o nome de uma canção, e os títulos geralmente têm algo a ver com o tema ou a moral da história do episódio. Moral esta narrada no início e no fim de cada episódio por um dos personagens (em sua grande maioria a protagonista Meredith Grey).

Enredo e personagens de Grey’s Anatomy

O seriado é protagonizado por Ellen Pompeo, que interpreta a Dra. Meredith Grey, filha da renomada cirurgiã Ellis Grey. Começa quando Meredith ingressa no programa de residência em cirurgia médica do fictício Seattle Grace Hospital, em Seattle, Washington.

Grey's Anatomy: elenco do início da série
Grey’s Anatomy: elenco do início da série

As estórias se desenvolvem em torno dela e de seus colegas, também internos, Cristina Yang, Izzie (Isobel) Stevens, George O’Malley e Alex Karev, que se tornam seus melhores amigos durante o período como internos.

Também envolvem a residente chefe Dra. Miranda Bailey, os renomados cirurgiões Dr. Derek Shepherd (par romântico de Meredith) e o Dr. Preston Burke, e o Dr. Richard Webber, cirurgião-chefe e administrador do hospital escola.

O enredo conta os dramas pessoais e profissionais desses médicos e residentes, suas vidas amorosas, relações pessoais, casos dos pacientes e as dificuldades que enfrentam no trabalho do hospital, através de estórias recheadas de fortes emoções.

A medida que a série avança nas temporadas, o elenco vai se renovando; alguns veteranos se despedem e novos rostos se juntam à equipe médica. Novas estórias se formam, sempre como pano de fundo a rotina no hospital.

Por que Grey’s Anatomy é a cara de Seattle?

É fato que Grey’s Anatomy é a cara de Seattle. Não é à toa que quando falo sobre o blog, várias pessoas mencionam o seriado. Para mim, Seattle é quase um personagem da trama!

Sua autora, Shonda Rhimes, é de Chicago, mas escolheu Seattle como cenário porque queria uma cidade pequena, mas ao mesmo tempo grande suficiente para possuir uma instalação médica de alto nível.

Agora vem a surpresa (pelo menos para mim); a maioria das cenas não é gravada em Seattle, mas em Los Angeles, na Califórnia!

-Mas como que a autora conseguiu captar tão bem a essência de Seattle?

As imagens externas mostram muito de Seattle mesmo. O sobrevoo aéreo da cidade está em praticamente todos os episódios e sempre mostra a rodovia I5 que corta a cidade, o centro, o Seattle Waterfront, a baía de Elliott e as balsas (ferrybolt) tão queridas pelo Derek. A vista do Kerry Park, o Space Needle, que fica bem ao lado do Seattle Grace Hospital, e a fachada da casa da Meredith.

Quem nunca viu as imagens abaixo enquanto assistia Grey’s Anatomy?

Grey's Anatomy: vista noturna de Seattle do Kerry Park
Grey’s Anatomy: vista noturna de Seattle do Kerry Park
Grey’s Anatomy: Seattle
Grey’s Anatomy: Seattle

Os detalhes da série

Mas não é só isso. Todos os detalhes são importantes na reprodução da vida na cidade.

As relações não convencionais e racialmente diversificadas dão o tom da cidade multicultural e descolada.

  • Casamentos homossexuais como o do Joe (dono do Emerald City Bar – Joe’s bar), que ainda aparece sempre com uma camisa de flanela xadrez (em menção à influência grunge da cidade), e o das médicas Arizona Robbins e Callie Torres.
  • A grande quantidade de médicos negros e casais inter-raciais como o médico negro Dr. Burke e a médica de olhinho puxado, Dra. Cristina Yang.

Os pequenos detalhes fazem a diferença:

  • Várias cenas com a chuvinha fina da cidade.
  • As pessoas sempre com as roupas de frio.
  • O copinho de café sempre nas mãos dos médicos (verdadeira mania por aqui).
  • Os casos médicos que envolvem acidentes típicos dos eventos comemorativos da cidade.
  • Episódios que mencionam os esportes da cidade.
  • As terras do Derek nas montanhas e suas pescarias no lago.
  • Uma foto do troll de Fremont nas paredes de Joe’s Bar e outra do Pike Place Market em frente aos elevadores do Seattle Grace Hospital.
  • As ruas, as casas, todos os lugares que são reproduzidos tal qual Seattle.

Tudo isso faz do seriado a cara de Seattle!

Por que viciei em Grey’s Anatomy???

Até eu me faço essa pergunta… Afinal, já falei que morro de aflição de ver sangue, e, definitivamente, o ambiente de hospital não é dos meus preferidos.

E sim, aparece muitas cenas de pessoas feridas, com cortes, pernas e braços quebrados, queimadas, esfoladas, com objetos atravessados no corpo, ferimentos diversos e MUITO sangue!!! Boa parte dos episódios se passa encima de uma mesa de cirurgia, com pessoas de peito ou cabeça abertos e órgãos para fora! Algumas vezes chego a fechar o olho para não ver.

Grey's Anatomy: cena na mesa de cirurgia
Grey’s Anatomy: cena na mesa de cirurgia

Mas mesmo assim, continuo vendo o seriado!!! Por que será?

  • Os conflitos internos e as relações intensas, complexas e conturbadas entre os personagens nos prendem a atenção.
  • As surpresas nos aguardam em todos os episódios. Quando pensamos que chegou no seu auge, a criatividade de Shonda Rhimes se supera e algo inacreditável acontece.
  • Os casos médicos dos pacientes despertam nossa curiosidade. Cada caso uma estória e um drama. Sempre com casos novos a cada episódio.
  • É tudo muito intenso e com muita dose de drama e tragédia, muitas vezes até crueldade. Mas ao mesmo tempo com certo toque de sarcasmo e humor.

Grey’s Anatomy faz você rir e chorar ao mesmo tempo! E sempre esperar ansioso pelo próximo episódio…

Se você também é apaixonada pela série e pela cidade de Seattle, tanto quanto eu, dá uma olhada no post com o tour Grey’s Anatomy em Seattle.

2 Comentário

  1. uau adorei sua postagem sobre o grey´s anatomy sou um viciado na serie estou mega ansioso para a 13º temporada adorei tudo que escreveu me senti um pouco mais na serie

    • Oi Alan, que bom que gostou do post!
      Sou fanática pela série; já assisti 3 vezes. Acredita?
      E por se passar em Seattle é mais um motivo para eu gostar.
      Abçs,
      Luciana Coelho

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*