7 grandes motivos para estudar em Seattle

Por que estudar em Seattle?

Estudar em Seattle é show! Assim como morar e “turistar” também…

Para mim, a cidade é especial. Mas é claro que falo isso porque tenho um envolvimento emocional com ela muito forte; foi amor à primeira vista. Minha proposta neste artigo é descrever como vejo a cidade em relação as pessoas que querem vir para estudar, e o que podem esperar dela. E é isso mesmo, pode acreditar: estudar em Seattle é show!

Estudar em Seattle: grupo de estudantes de idioma
Estudar em Seattle: grupo de estudantes de idioma

Deixando um pouco de lado minha paixão pela cidade, no fim, o mais importante ao escolher um lugar para estudar, ou até mesmo morar, é você se identificar com o lugar. Se não houver “liga” entre você e a cidade, é claro que a experiência provavelmente não será muito boa.

Mas vamos aos motivos que te levarão a estudar em Seattle…

1 – Você vai ouvir muito pouco o português em Seattle

Se você está procurando um lugar para estudar inglês (ou estudar “em inglês”), então fuja daqueles onde vai esbarrar em uma turba de brasileiros e pessoas que falem português, certo?

Quanto menos contato com o português nesse período, melhor: mais eficaz será o curso de inglês e mais fácil alcançar o objetivo da viagem. Esbarrando em brasileiros, você vai naturalmente se aproximar e fazer amizade com o “conterrâneo” e falar português.

Estudar em Seattle é ideal nesse quesito.

Você não vai esbarrar com frequência em brasileiros e nativos de língua portuguesa pela cidade. Os que você encontrar normalmente estarão trabalhando em empresas locais como Microsoft ou Amazon.

Longe de ter aquele monte de brasileiros e latinos que falam o “portunhol” e estão a procura de um lugar ao sol na terra do tio Sam em cidades como Miami. (nada contra quem vem aos EUA desta forma ou com esse objetivo, e nem é esse o propósito deste artigo).

Nas ruas você vai encontrar gente de culturas muito diferentes das que estamos acostumados no Brasil. Uns que tem aos montes por lá, além dos americanos locais, são os asiáticos de olhinho puxado (chineses, coreanos, japoneses). Muitos deles por todo lugar!

2 – Seattle é uma cidade grande com cara de cidade do interior

É uma cidade menos populosa, mais acolhedora e menos opressora que as grandes metrópoles como Nova Iorque ou Chicago. Está longe de ser uma selva de pedras e ao mesmo tempo tem o desenvolvimento de qualquer cidade grande. Você não vai passar sufoco; vai encontrar tudo que precisa numa cidade amistosa com pessoas sempre educadas e corteses.

É uma das cidades mais tecnologicamente “antenadas” do mundo, seja pelo seu estilo de vanguarda seja por sediar empresas de altíssima tecnologia como Microsoft, Amazon, Boeing.

É uma cidade mundial; recebe gente de tudo quanto é lugar do mundo! E fica somente cerca de 100 quilômetros de Olympia, capital do estado de Washington. (que por sinal é menor que Seattle).

3 – Estudar em Seattle é qualidade de vida garantida

A cidade dá um show de qualidade de vida.

É limpa, arborizada e sempre verde durante todo o ano. Garantia de ar puro! Veja Seattle cidade Esmeralda.

Na educação, Seattle é a cidade mais alfabetizada dos EUA segundo estudo da Central Connecticut State University. Além disso, as pesquisas do United States Census Bureau indicam que Seattle tem uma das maiores taxas de graduados entre as grandes cidades do país.

No transporte público eles também sabem fazer a coisa. Pode ficar tranquilo que você não vai passar sufoco nenhum com o sistema de transporte público. Veja nosso post sobre transporte em Seattle. Andar de ônibus é muito tranquilo. Longe de ser a experiência de andar de ônibus no Brasil.

No quesito onde comer, há muitos restaurantes, lanchonetes, cafés e cozinhas de todo mundo: japonesa, mexicana, indiana, grega, italiana, tailandesa, coreana, chinesa, francesa, portuguesa. Uma infinidade de opções; tem para todo gosto e valor. Você consegue comer bem sem gastar muito.

Por fim, Seattle não é uma cidade violenta. Basta ver as estatísticas sobre homicídios dos últimos anos. Segundo o Departamento de Polícia de Seattle, uma média de 23 registros nos últimos 8 anos. Números inacreditáveis se comparados aos que temos no Brasil!!!

Mas como qualquer cidade grande tem seus problemas de segurança pública; principalmente nos registros de pequenos furtos e no volume de moradores de rua e pedintes (homeless) dos últimos anos. É sempre bom se prevenir e saber por onde andar e a que horas andar!

Se quiser mais detalhes dê uma olhada em nosso post sobre segurança em Seattle.

4 – Seattle oferece muitas opções de lazer, esporte e diversão noturna

Estudar em Seattle e ainda curtir as opções de lazer que a cidade oferece é unir o útil ao agradável! Atividades ao ar livre, parques, museus, restaurantes, etc… Veja O que fazer em Seattle?

A vida noturna da cidade é agitada. Tem opção para tudo quanto é gosto: pubs irlandeses, bares, cervejarias, night clubs, música eletrônica, música latina, rock, festas universitárias. Clubes de strip e baladas GLS, onde você vai se divertir sem preconceito.

Mas atenção; a noite é curta, as baladas terminam as 2 da madrugada e é proibido beber na rua. Jamais saia na rua com garrafas de bebida, se a polícia pegar vai dar ruim, vai dar cana, multa e fiança. E dirigir depois de beber, nem pensar.

Para quem gosta de praticar e assistir a esportes a cidade oferece muitas opções. Em Seattle tem o time de baseball Seattle Mariners, o de futebol (soccer) Seattle Sounders e o de futebol americano Seattle Seahawks. E na região do Union Lake tem muitas opções de esportes aquáticos.

5 – Estudar num clima agradável de montanha e ainda ver neve!

Seattle tem um clima de montanha predominante frio na maior parte do ano, o que acaba sendo um fator que não atrai tanto brasileiro (melhor ainda para quem quer aprender inglês!).

É muito parecido com Londres nesse ponto! Eu costumo dizer que Seattle não faz um frio absurdo, não faz um calor absurdo, é meio cinza a maior parte do tempo e está sempre meio friozinho. Uma delícia!!! E embora não neve muito na cidade, você vai poder vê-la nas montanhas e estações de esqui perto da cidade.

Mas atenção; o clima é um fator importante na decisão. Se não gosta do friozinho, da chuvinha fina e dos dias cinzentos não vá para Seattle.

Outra coisa muito legal da cidade é que entre abril e outubro os dias são longos, escurece lá pelas 20:30-21hs da noite. Dá para aproveitar muita coisa depois das aulas.

6 – Seattle fica pertinho de Vancouver no Canadá

Você pode aproveitar a proximidade das duas cidades e fazer uma dobradinha: estudar em Seattle e estudar em Vancouver, dois países diferentes da língua inglesa! E de quebra conhecer outro lugar fantástico.

Tudo ao seu alcance… Somente 230 quilômetros separam as duas cidades! Você pode ir de carro; dá umas 03 horas de viagem somente. Ou de ônibus em 05 horas. Mas lembre-se; você vai atravessar uma fronteira entre países. Claro, de avião também vai!

A propósito, Seattle é uma cidade muito parecida com Vancouver, um dos maiores destinos para intercâmbio de brasileiros.

7 – Estudar em Seattle é fugir dos roteiros tradicionais

Essa é uma vantagem e tanto; você foge daqueles destinos carimbados que para tudo vai ter uma pitada de “comercial” no meio.

Qual a graça de juntar seus investimentos em um projeto de conhecer uma nova cultura/idioma/País/culinária e se sentir como se estivesse andando em um Shopping Center a céu aberto com as mesmas marcas e lojas de fast food que você conhece no Brasil?

É mais ou menos assim quando você planeja sua viagem para os EUA e inclui somente as cidades “da moda”.

Em Seattle você convive com o autêntico estilo de vida norte americano e de quebra, ainda vai conviver com uma diversidade cultural e tanto! Falamos um pouco disso no post sobre viajar para Miami.

Estudar em Seattle é show!!! Estudar em Seattle é a carta!!!

Se você está pensando em estudar inglês em Seattle, veja o post que fiz sobre as dicas para aproveitar o máximo seu intercâmbio em Seattle. Vale a pena!

24 Comentário

  1. Oi Luciana, estou com intenções de ir tentar a vida em Seattle (custo no brasil ta caro demais e quero ganhar independência financeira), meu inglês é intermediário busco mesmo é trabalho e dividir algum ap com alguém por la.. Acha que é viável? Como quero assumir independência financeira, não tenho data pra voltar para o brasil, é possível eu fazer um visto de trabalho/moradia estando ja dentro do pais? Sou bem comunicativo e me adapto rápido, tenho desejos futuros como dar continuidade da minha faculdade em Vancouver, até la pretendo ficar pro seattle…
    Sua resposta seria de grande ajuda para eu tomar minhas decisões, fico no aguardo!! Obrigado.

    • Oi Gabriel,

      Tudo bem?
      Não sei se consigo te ajudar muito pois não sou especialista em visto americano. E seus questionamentos envolvem muito a legislação de imigração de lá. Seria interessante você consultar algum especialista no assunto.
      O que eu sei é que existe sim um processo para alteração do tipo de visto. Enquanto estiver nos Estados Unidos, você pode solicitar que o Serviço de Imigração de lá (U.S. Citizenship and Immigration Services – USCIS) altere seu status através de um requerimento, em formulário específico, antes da expiração de sua estadia autorizada (dada na sua entrada no país).
      A alteração só pode ser de visto de não imigrante para outra categoria de não imigrante. Por exemplo, se você foi para os EUA como um turista, mas deseja se tornar um aluno, você deve solicitar alteração de seu status de visto de turista para visto de estudante.
      Mas aqui vale um alerta, solicitar uma mudança de status do USCIS, enquanto estiver nos Estados Unidos, não é garantia de sucesso. Ou seja, não é garantido que sua requisição será atendida e que a mudança será autorizada.
      Além disso, não existe um prazo determinado para resposta e o processo normalmente não é tão rápido. Por isso tem que prestar bem atenção nos prazos, tem que levar em consideração a data máxima permitida para sua estadia autorizada dada quando entrou no país.
      Numa situação dessas, acredito que o melhor é ir para os EUA para estudar (com um visto de estudante) e, caso consiga trabalho por lá, solicitar a alteração para o visto de trabalho. Pode ser um curso de inglês mesmo. Pelo menos, essa é uma alternativa que vejo algumas pessoas fazendo.
      De qualquer maneira, sugiro uma consulta com alguém mais especializado no assunto do que eu.
      Abraços,
      Luciana Coelho

  2. Olá,sou Jhessica e pretendo fazer facul e dependendo do local pretendo ficar por lá,mas gostaria de saber se Seattle é uma cidade cara para morar quando você ainda é um universitário.
    obrigado, aguardo respostas.

    • Oi Jhessica,
      Seattle não é uma cidade barata não. Sendo o custo de habitação o que mais pesa no orçamento. Mas é claro que tudo depende das condições que você vai. Se você já tem onde ficar, a coisa melhora bastante. Dá uma olhada no artigo http://visiteseattle.com/seattle/ que eu falo um pouco sobre isso.
      Abraços,
      Luciana Coelho

  3. Olá sou casado tem 2 filhas uma de 2 e 10 anos, pretendo fazer um post doutorado e tentar ficar por lá como seria a adaptação delas na escola? A de 2 anos ainda não está na escola e a de 10 está no 4 ano do ensino fundamental.se possível​ responder por email

    • Oi Leonardo,
      Tudo bem?
      Seattle é uma cidade bem acolhedora; é reconhecida como tal. Recebe muitos estrangeiros o tempo todo, seja a trabalho, seja para estudar e em consequência, para morar. Por isso mesmo, está acostumada a receber imigrantes.
      Com relação a adaptação de suas filhas, eu acredito que elas não terão problemas. A barreira maior mesmo é o idioma (caso elas não falem inglês). Mas as crianças costumam se adaptar rapidamente.
      Para a menorzinha de 2 anos, acho que a adaptação é bem mais fácil, ela já vai aprender a se comunicar em inglês. Como ela não está em idade escolar, o que você deve encontrar são as creches que cuidam das crianças pequenas.
      Nos EUA a educação é parecida com o Brasil. Eles consideram idade pré-escolar (preschool = níveis kindergarten) normalmente crianças de 4 a 6 anos. Somente a partir dos 6 ou 7 anos que a criança entra no ensino elementar (elementary school), que seria o nosso ensino fundamental. Os níveis escolares seguem uma correspondência.
      Para a de 10 anos ela já deve entrar no 4o ou 5o ano do ensino elementar lá. Acredito que não terá dificuldades, mas é claro que tudo depende da criança.
      Eu sempre sou da opinião que uma experiência internacional é enriquecedora na vida de uma pessoa e se você começa essa experiência quando criança, mais ainda.
      Abraços,
      Luciana Coelho

  4. Olá Luciana,

    Adorei o teu artigo. Sou apaixonada por Seattle…mesmo só vendo de fotos, filmes..e agora com o teu texto fiquei com mais vontade ainda de conhecer. Estou planejando ir no final do ano a passeio..talvez um intercâmbio para inglês. Se eu gostar mesmo da cidade cogito me mudar pra lá. Abraços.

    • Oi Camila, que bom que você gostou do artigo.
      Se decidir mesmo visitar a cidade dá uma olhada geral no site que tem muita coisa sobre Seattle: pontos turísticos, o que fazer, transporte, etc… E se resolver fazer um curso de inglês pode nos procurar pois temos parceria com a Kaplan, escola que considero uma das melhores de lá, senão a melhor.
      Abraços,
      Luciana Coelho

  5. ola< tenho pensamentos em me mudar prea seattle.! voce poderia trocar email comigo ou ate mesmo watss??
    tenho uma filha de 7 anos quero ir, mas daqui um tempinho penso em esudar ingles eu e ela, e gostaria de saber se minha faculdade aqui no Brasil, me ajudaira ai

    • Oi Anna,
      Posso te ajudar com dicas sobre a cidade sim. É só você me contactar através do ENTRE EM CONTATO DO SITE.
      Bem, eu ainda não moro em Seattle; moro no Brasil. Mas conheço bem a cidade porque vou muito de férias já a mais de 16 anos (meu irmão mora lá). No que eu souber, posso te ajudar sim.
      Abraços, Luciana Coelho

  6. oi meu nome é lívia , minha família estamos cogitando a ideia de morar em seattle, gostaria de saber se tem curso de inglês com preços acessíveis, e como consigo tirar meu visto de estudante já estando nos estados unidos?, precisarei de algum advogado ou apenas devo ir a imigração pedir a mudança de visto ?? e se tem como conseguirmos trabalho informais rapidamente ?

    • Oi Lívia,
      Tudo bem?
      O curso de inglês que eu recomendo em Seattle é o da Kaplan. Na minha opinião ela é a melhor escola de inglês que tem por lá. É a única que eu conheço também.
      O valor depende do curso e da duração que você escolher, mas só para te dar uma ideia, um curso de inglês geral na Kaplan (com 20 horas de aula por semana) fica em torno de US$400 por semana.
      Se quiser, posso te ajudar na contratação do curso pois temos parceria com a Kaplan.
      Com relação ao visto, você vai com visto de turista (B2)? Caso sim, você pode sim solicitar a troca do visto B2 para o F1 (estudante) enquanto já estiver nos EUA.
      Mas, se sua intenção é estudar lá, aconselho já viajar com o visto de estudante. O processo de troca é bem chato e burocrático. E leva tempo. Eles não dão prazo para resposta, mas pode levar meses.
      A solicitação é feita através do formulário I-539, mas antes você tem que ser aprovada pela escola e receber dela o formulário I-20. Vão te pedir uma série de outras comprovações.
      Se você for mesmo com essa intenção, sugiro consultar alguém que mexa com o assunto mesmo. São muitos detalhes e a questão dos prazos é perigosa; você não pode ficar nos EUA se vencer o prazo que o oficial da imigração te der na entrada ao país.
      Com relação ao trabalho, não é permitido trabalhar nos EUA com o visto de estudante. As regras para trabalhar lá são bem rígidas e o visto é outro.
      É isso. Espero ter ajudado,
      Luciana

  7. Olá, meu projeto é fazer um intercambio de 1 ano em Seattle mais eu gostaria de estudar e trabalhar para ajudar nas despesas, é fácil arrumar emprego em Seattle?

    • Olá Marcos Vinicius, será uma experiência muito legal!
      Conseguir o emprego não é o problema; tem muita vaga disponível. Principalmente na área de TI e em empregos mais simples em restaurantes, por exemplo. O problema maior que você precisa focar é na questão legal do visto. Visto para estudar somente é mais simples, mas para trabalhar e estudar é um pouco mais complexo. É bom se informar um pouco sobre isso. Dá uma olhada se na Kaplan (http://www.kaplaninternational.com/br/estados-unidos/seattle/escola-ingles-seattle) eles podem te ajudar com isso.
      Abraços, Luciana Coelho

    • Oi Vera, Seattle é mesmo apaixonante. Eu adoro! Costumo dizer que a cidade recebe muito bem quem chega de fora. Conheço muitos brasileiros que moram nessa região e estão super bem. A área de TI, então, é muito aquecida e oferece muitas opções.
      Abraços, Luciana Coelho

  8. Olá Luciana! Excelente texto. Estou indo para Seatlle em Outubro, vou morar em kirkland. Conhece alguma escola por lá? Que tenha aulas aos finais de semana?! Não sei nada de inglês kkk. Obrigado!

    • Oi Pedro, que bom que gostou do artigo. Eu adoro Kirkland. É uma cidade muito linda e charmosa. Mas só a conheço a passeio. Não conheço cursos de inglês por lá. Sei que tem, mas não os conheço. O curso que eu indico (pois conheço bem) é o mesmo o da Kaplan Internacional em Seattle. Se não conseguir outro em Kirkland, vale a pena conhecer o da Kaplan. É super rápido, fácil e tranquilo ir de Kirkland a Seattle de ônibus. O sistema de transporte funciona de verdade! Acredite!
      Segue o link abaixo se quiser pegar mais informações sobre a Kaplan:
      http://www.kaplaninternational.com/united-states/seattle/english-school-seattle
      Espero que dê tudo certo em sua viagem.
      Valeu,
      Luciana

  9. Olá! Adorei o artigo.
    Estou me programando para me mudar para Seattle em Fevereiro/Março. A princípio penso em ficar 6 meses. Meu objetivo é apenas estudo. Você teria alguma dia de studio/loft/kitnet para alugar? Estou indo sozinha.
    Obrigada!

    • Olá Vitoria,
      Tudo bem?
      Que bom que gostou do artigo, espero que tenha sido útil.
      Com relação ao lugar para alugar, tudo depende muito do seu estilo, da sua disponibilidade e do que você pretende. Vai estudar onde? Em Seattle mesmo? No centro?
      Falando um pouco dos bairros, eu gosto muito de Capitol Hill. É um bairro residencial mas que fica numa ótima localização, bem perto do centro da cidade.
      Ótimo para quem vem de fora. Tem um certo comércio e uma vida noturna agitada; é bastante eclético e considerado um centro dos movimentos alternativos.
      Outro bairro que gosto muito é o Queen Anne, mais ao norte do centro. Também residencial, mas bem mais calmo. Se você não gosta de muito agito, esse segundo é melhor.
      Se for estudar na Universidade de Washington sugiro o bairro University District, também ao norte. Todos 3 ficam em boas regiões de Seattle.
      Se quiser um lugar mais em conta, tem que se afastar um pouco mais do centro e ir mais para o sul da cidade, mais na zona industrial.
      Se quiser ter uma ideia de preço pode começar pesquisando nos dois sites de aluguel: http://www.rent.com/ ou http://www.rentalhouses.com/.
      Espero que goste da cidade, tanto quando eu. E se precisar de mais alguma coisa é só falar!
      Valeu!

      • Ai Luciana,, eu estava justamente procurando isso, e o Quenn Anne ja haviam me indicado, mas eu estava numa duvida imensa. Obrigada pela explicacao. Estamos indo a qualquer momento e e sempre uma loucura essas mudancas.

        • Oi Sara,
          Fico feliz do blog ter te ajudado. Gosto muito do Quenn Anne; é um bairro bem residencial, perto do centro e muito arborizado. Uma delícia! Espero que dê tudo certo com a sua mudança. Se precisar de alguma outra dica é só me falar. Ah, e se puder me dar um feedback sobre suas impressões da cidade quando mudar, eu agradeço. É sempre bom ouvir a opinião dos leitores. Valeu!
          Luciana

  10. Olá. Acabei de chegar em Seattle e vou morar aqui por quase 3 meses. Vocês tem alguma indicação de curso de inglês?

    • Olá Andréia!
      Tudo bem?
      Ficamos felizes com sua mudança para Seattle! Adoramos esta cidade, temos certeza que tudo vai correr bem nesta mudança, conte conosco para sua adaptação combinado? Sobre sua dúvida, recomendo a Kaplan Internacional. É uma escola internacional, muito bem conceituada, tenho várias pessoas conhecidas próximas, que fizeram o curso de 12 semanas e gostaram muito. A localização também é bem central e vai permitir conhecer muito a cidade.
      Segue o link abaixo para você pegar mais informações sobre a Kaplan:
      http://www.kaplaninternational.com/united-states/seattle/english-school-seattle
      Se precisar de mais alguma informação, pode falar ok?
      Espero que o blog tenha sido útil para vocês!

Faça um comentário

Seu e-mail não será divulgado.


*